REVIEW: BTS – YOU NEVER WALK ALONE

E cá estamos com mais uma review. Eu já havia planejado uma review do Wings pra qualquer dia, mas com o anuncio desse repack, achei melhor esperar mais um pouco, assim fazia uma review atualizada e dentro do timing.

Pra ser sincero, eu nunca fui muito chegado nos álbuns do BTS, tanto que só ouvi aquele da capa azul e o 1° full deles, até hoje, mas como estavam falando muito do Wings, decidi dar uma chance. Mas será que esse repack acrescenta em algo ou é só uma oportunidade pra BigHit vender mais? Vamos conferir.

Ouçam pelo Spotify: 

Iniciamos com Boy Meets Evil. Eu gosto muito do clima da intro, o vocal+dubstep é legal, o instrumental também e ela é uma das poucas intros que ja vi funcionarem sozinhas., mas, justamente no álbum, que é onde deveria funcionar, ela não cumpre seu papel, afinal, não há relação sonora alguma entre isso e a próxima faixa.

A title do Wings “original”, Blood Sweat & Tears, é um reaggeton bem usado, com elementos de dancehall e o hip hop de sempre (afinal, é uma faixa do BTS). Os versos são ok, mas o pré-refrão é marcante. Só que… eu simplesmente não consigo engolir esse refrão. A maneira como JHope fala os “mani mani mani” é de ranger os dentes, e isso acaba derrubando a faixa.

E agora começam os solos, iniciando com Begin, solo de Jungkook. Provavelmente é algo mais pessoal, mas eu não consigo lidar com o timbre dele, de verdade. Acho muito enjoativo de se escutar, e acho que teria gostado um pouco mais da faixa se não fosse por isso, porque o clima pseudo-edm dela é bem bacana. A letra é bem pessoal, narrando como ele se sente mal quando o irmão dele está mal (não sei se esse irmão é um irmão propriamente dito ou é alguma metalinguagem pra se referir do BTS, mas enfim)

you-naver-walk-alone-bts14

Eu acho Lie, solo do Jimin, é algo bem peculiar. A forma ~insana~ com a qual ele canta os versos iniciais são ótimos, mas o refrão soa deslocado (ao menos a transição dos versos pra ele é feita com naturalidade, o que mantém o bom aproveitamento). Não é ruim, longe disso, mas é como se fosse uma música (boa) por cima de outra (que também é boa), mas que no fim não combinam.

O R&B vem com tudo em Stigma, solo do V. Começando mais misteriosa e contida, a faixa tem seu ponto alto no refrão, que dá vida pro conjunto (ainda que contida), e a voz dele se harmoniza com tudo, deixando Stigma como um dos destaques do álbum.

you-naver-walk-alone-bts17

Simpatizo com o Suga, mas infelizmente, achei First Love uma das faixas mais fracas. Mostra que ele é um bom rapper? Sim. Mas isso acaba virando um problema quando a faixa é SÓ rap, não tem refrão nem nada, e sendo sincero, eu ouvi isso aqui esperando um refrão, e quando achei que ele viria, a faixa já estava nos 2:36. Pois é.

Agora temos Reflection, solo do Namjoon. A faixa é bem dramática, e por si só não faz taaanto assim, é o tipo de música que você ouve no álbum e pronto, mas não é ruim e acho que vale muito pela letra, eu particularmente me identifiquei muito (principalmente o final).

you-naver-walk-alone-bts13

JHope chega com a cota farofa dos solos com Mama. Por mim isso aqui teria ficado em outro momento da tracklist, mas enfim. O começo com o VHS rodando, ao mesmo tempo que o instrumental vai crescendo, é bem legal, e os versos igualmente. Comparado com as farofas habituais do BTS, ela soa bem mais contida, o que é bacana.

E bem, finalizando os solos, temos Awake, solo do Jin. É o mais filler entre eles (e provavelmente do álbum todo), mas como ele é um dos mais subestimados do grupo, acho que é válido por isso.

you-naver-walk-alone-bts18

Voltando as faixas em grupo, temos Lost, outra faixa bem boa do álbum. Ela começa crescente até chegar no refrão alegre, e a forma como isso acontece não é nada tryhard pra tentar ser cool, e isso é ótimo. A letra não é nada sóbria, narrando como eles estão perdidos (sério?) e querendo voltar pra casa.

Eu não sou lá um fã de hip-hop intenso, quando cantado por homens, e é isso que BTS Cypher 4 é. Mas tirando minha aversão, ela soa deslocada do resto do álbum, assim como as outras Cyphers que ja escutei deles, e além disso, é longa demais. 3 minutos pra uma faixa assim estava mais do que bom, não quase 5.

you-naver-walk-alone-bts12

O álbum retorna ao uptempo com I Am Wrong, algo mais harmônico e menos explosivo do que as farofas habituais do BTS (assim como Mama). Os “i am wrong” que obviamente não vem de nenhum deles são bem grudentos.

21st Century Girl é totalmente o oposto da faixa acima. Nada contida, segue normalmente a estrutura de farofas do BTS. É aquela típica farofa do álbum que sempre fica conhecida (coisa que já aconteceu antes com eles). O refrão é grudento e os sintetizadores frenéticos casam bem.

A reta final chega com 2! 3!, uma ballad R&B que, após duas farofas, é até que bem-vinda na tracklist, mas só isso mesmo, de resto eu achei meio esquecível.

Spring Day, a title do repackage, trás a tona o lado sadboys 2001 do BTS, e enquanto no álbum ela não fica *tão* ruim, como single ela foi uma escolha mal feita, a faixa não tem potência o suficiente pra uma title ballad, e tirando o mv bonito e com referências a livros e obras de arte, não acho muito aproveitável não.

you-naver-walk-alone-bts16

E como numa montanha russa, temos um farofão frenético após uma ballad. Not Today é boa, e ironicamente, é a faixa deles que mais se parece, sonoramente, com aquele troço horrível chamado Fire. O refrão é grudento e bem legal. Só não curti muito a bridge por ela soar autotunezada demais, mas enfim…

No álbum original, a Outro: Wings, soava extremamente deslocada por vir após uma balladzinha, mas como temos Not Today aqui, ela vem num momento mais do que apropriado. É um dos poucos EDMs deles, e acho que o BTS deveria apostar um pouco mais nesse estilo, pois essa faixa é ótima. A letra é basicamente eles dizendo que são imparáveis, que tem autoconfiança, etc. O clima da faixa é bem motivacional, então combina.

you-naver-walk-alone-bts15

A Supplementary Story: You Never Walk Alone vem pra fechar o álbum, sendo um bom hip hop mais contido e calmo. Se estendida, poderia ter sido single no lugar de Spring Day, mas enfim. Fecha o álbum mais do que bem.

You Never Walk Alone é um álbum bacana, e faz jus a uma boa parte de seu hype. Ele não tem faixas ruins, somente umas 3/4 fillers esquecíveis, e pra um álbum de DEZOITO faixas, não ter nada realmente ruim é um acerto. E além disso, YNWA mostra bem a evolução sonora do BTS (comparem com o caminhão de farofa Yoki que é o Dark & Wild, por exemplo). Mas ele também é bem bagunçadinho. A tracklist dá altos e baixos muito rapidamente, e fica difícil de se digerir como um álbum num todo (e, ironicamente, ouvir as faixas soltas nos deixa com uma impressão bem melhor dele). No mais, vale a ouvida, mesmo que você não goste de BTS.

ddc63fd2a09bf2bb421f46a3f4fd0fcd_1486916943

Essa capa tá parecendo capa de apostila de escola metida a besta

The Misconceptions Of Me ~ Review

BTS – You Never Walk Alone

Lançamento: 13/02/2017

Nota: 8,0

TOP3: Stigma, Not Today e Lost

E vocês, o que acharam do You Never Walk Alone?

Não se esqueçam de curtir a, e se gostou do post, divulgue ❤

Anúncios

3 comentários sobre “REVIEW: BTS – YOU NEVER WALK ALONE

  1. Sowon Xiita disse:

    Nossa, essa definição da capa ficou on-point demais kkkk
    Acho que as únicas faixas que eu não gostei tanto assim foram a do Suga e a do Jungkook, que como eu disse na review do Dougie, ficaram aguadas demais pros dois e parecem demos não terminadas, o resto eu engulo de boa, até Spring Day 😛 (que tem mais relevância com a minha pessoa pelas armys surtando se você dizer que achou a música apenas “ok” do que por qualquer outra coisa, mas tá :v)
    Minhas preferidas foram Lie (eu não tinha prestando muita atenção nessa mudança brusca no refrão antes de apontarem ela pra mim, mas acabou que não me incomodou muito), o tecnobrega da title, e Not Today, que eu ainda preciso saber se vai durar mais de uma semana cmg @_@

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s